Vai de Tratamento de Semente Industrial ou dor de cabeça?

Todos sabemos que a semeadura é um dos momentos decisivos para o ótimo desenvolvimento da lavoura.


Mas é importante lembrar também que a definição do potencial produtivo da lavoura começa na emergência, através do adequado estabelecimento de plantas e posterior desenvolvimento.


Assim, o uso de inseticidas e fungicidas no tratamento de semente industrial é indispensável para evitar o ingresso de doenças e pragas associadas a sementes e sua transmissão para a parte aérea e raízes. Ainda, o TSI protege do ataque de fungos existentes no solo ou na palhada das outras culturas dentro do sistema de rotação.


Você sabia que algumas das doenças mais importantes do Trigo são causadas por patógenos transmitidos por sementes? Sim, os principais são a mancha marrom, mancha parda e mancha das glumas.


Por isso o Tratamento de Semente Industrial caracteriza-se como uma das principais práticas de Manejo Integrado, ajudando produtores pelo seu custo-benefício e aumentando seus rendimentos com mais qualidade e segurança!


Olha o que o Arculano (Coordenador e Mito do Campo) comentou: "É imprescindível cuidar da sanidade da semente de trigo para ter boa implantação da cultura. O Tratamento de Semente Industrial faz o controle na fase inicial e ajuda a ter bom arranque. Também, faz o controle de doenças que atacam no cedo, como o oídio. Assim, não precisa de aplicação pelos 20 dae, o que ajuda muito quando for fazer a primeira aplicação, pois se tiver incidência de algo no stand, vai ser de maneira mais branda e o controle mais fácil!"


Ainda não negociou Trigo? Nossas opções de TSI (Tratamento de Semente Industrial) oferecem um portfólio amplo e completo, incluindo inseticidas, fungicidas e produtos combinados para atender você da melhor maneira. Entre em contato agora mesmo com o nosso time comercial e saiba mais!


(Tão fácil quanto mandar um Zap!) https://api.whatsapp.com/send?phone=5541991343080



Juntos, fortalecemos o agronegócio com cada semente que plantamos.

Quer saber mais? | Facebook | Instagram | YouTube | LinkedIn

23 visualizações0 comentário